ANIVERSÁRIO VOITTO

A MAIOR OFERTA DO ANO! TODO SITE COM ATÉ50% OFF

Por que analisar uma ação?
Como analisar uma ação?
Indicadores para analisar uma ação
Invista em você!

Como analisar uma ação? Saiba o que fazer antes de investir

Veja como analisar uma ação para conduzir seus investimentos com maior segurança e por qual motivo essa análise é importante.

Thiago Coutinho
Por: Thiago Coutinho
Como analisar uma ação? Saiba o que fazer antes de investir

Investir em ações ainda é um tabu para vários investidores, principalmente os iniciantes. Todo mundo sempre ouve dicas como "diversifique sua carteira de investimentos com ações”, mas como exatamente fazer isso? É justamente essa pergunta que vamos responder nesse artigo, te ensinando a analisar uma ação.

Observando alguns parâmetros divulgados pelas próprias empresas, você pode fazer uma escolha mais embasada para comprar títulos acionários, gerando maior segurança para esse tipo de investimento.

Assim, para tirar todas as suas dúvidas, vamos te mostrar:

  • Por que analisar uma ação?
  • Como analisar uma ação?
  • Indicadores para analisar uma ação

Por que analisar uma ação?

As ações são partes de uma empresa que podemos comprar, assim nos tornando sócios de um pequeno percentual da companhia. O sucesso ou fracasso dela passa a influenciar diretamente o retorno dos nossos investimentos. Por isso, analisar uma ação é sempre importante quando avaliamos nossa estratégia de investimento.

No processo de compra desses papéis, a análise é determinante. Por meio de indicadores, podemos criar uma panorama geral da saúde financeira da empresa, e orientar melhor nossa decisão de optar por uma ação ou outra.

Esses parâmetros objetivos permitem que o investidor reduza os riscos de perder dinheiro, mas também identificar oportunidades de compra ou venda dos papéis negociados na Bolsa de Valores.

Além de auxiliar na tomada de decisão na hora de investir, a análise de ações pode ser feita de maneira regular. As empresas divulgam balanços periódicos de seu desempenho, o que possibilita estimar o futuro da companhia.

Nesse sentido, ao analisar uma ação, podemos procurar uma melhor previsibilidade, principalmente pensando em investimentos a longo prazo. Por conta de todos esses motivos, é um processo muito importante para os investidores.

Além disso, existem investidores que buscam retornos imediatos de curto prazo (os day traders), a médio prazo ou de longo prazo. A estratégia que cada um utiliza impacta diretamente no tipo de análise e quais indicadores você precisa observar.

Um day trader, por exemplo, vai se orientar por uma análise técnica e observar indicadores como o Preço/Lucro (P/L). Já alguém que busca investir a longo prazo pode querer receber uma boa quantidade de dividendos, e portanto vai observar o Dividend Yield. Vamos ver melhor o que esses termos significam à frente.

Para te ajudar no alcance das suas metas de investimentos, separamos o Mapa de Análise Financeira, para que você consiga visualizar sua situação e investir com maior assertividade a curto, médio ou longo prazo.

Já pensou em como seria mais fácil se existisse uma planilha onde você consegue fazer uma análise financeira completa da sua empresa? E se te falarmos que criamos isso para você?

Faça o download agora da nossa planilha de Mapa de Analise Financeira, ela é totalmente editável para você preencher com os seus próprios dados e verificar a situação econômico-financeira.

Clique aqui e faça o download!

Como analisar uma ação?

Existem dois principais métodos para se analisar uma ação: a análise técnica e a análise fundamentalista.

A análise técnica é utilizada nos investimentos a curto e médio prazo, em operações de day trade e swing trade. Trata-se de um estudo que envolve os volumes de negociação de uma ação e a movimentação dos preços.

Essas informações são dispostas em gráficos, que são observados pelos traders para tomar uma decisão de compra ou venda no momento certo. O gráfico mais comum desse tipo de negociação são os candlesticks.

Já a análise fundamentalista, apesar de utilizar alguns dos mesmos indicadores que a técnica, leva em consideração diversos outros aspectos para a tomada de decisão. Em primeiro lugar, ela visa ganhos a longo prazo.

Então, são considerados aspectos como governança corporativa, visão da empresa, capacidade de crescimento de mercado, compliance, balanço patrimonial, entre muitos outros. A partir de todos esses elementos, o investidor consegue dizer se o preço do ativo está adequado ou não.

Indicadores para analisar uma ação

Como falamos anteriormente, os investidores se baseiam em critérios objetivos ao analisar uma ação. Eles refletem a performance da empresa e seu valor de mercado. É importante ressaltar que nenhum deles deve ser analisado isoladamente, mas em contexto. Vamos ver os principais indicadores mais detalhadamente:

Dividend Yield (DY)

A meta de muitos investidores que compram papéis pensando no longo prazo é ter um bom retorno com dividendos. De maneira bem simples, os dividendos são um valor que é pago aos acionistas em cima do lucro da empresa.

Esse valor depende do estatuto de cada empresa (no Brasil, o mínimo é 25%), e é distribuído aos acionistas proporcionalmente, de acordo com a quantidade de cotas de cada um.

O Dividend Yield é um valor em porcentagem divulgado pelas companhias, que permite que os investidores saibam quanto de retorno em dividendos terão em cima de cada real investido. Em geral, quanto maior o Dividend Yield, melhor.

Return on Equity (ROE)

Quando você investe dinheiro em uma companhia, espera que ela irá utilizar esse valor de maneira inteligente para gerar mais lucro. O Return on Equity (ROE) mensura justamente isso: o quanto de lucro uma empresa consegue gerar com o dinheiro investido pelos acionistas.

Ele é calculado dividindo o lucro líquido pelo patrimônio líquido (quantidade total de dinheiro investido pelos acionistas).

Preço sobre Lucro (P/L)

O Preço sobre Lucro (P/L) nos dá duas informações: se o preço de uma ação está adequado e as expectativas do mercado em relação a ela.

Ele é calculado dividindo o preço de cada ação pelo seu lucro. Se uma empresa tem um P/L de 5, quer dizer que o valor da ação representa 5x os lucros obtidos.Assim, de maneira simples quanto menor o P/L, mais barata está a ação.

Preço / Valor Patrimonial

O índice Preço / Valor Patrimonial define a saúde financeira da empresa. Ele é calculado da seguinte maneira: o valor patrimonial é o patrimônio líquido (como explicamos acima) dividido pela quantidade total de ações.

A partir disso, calculamos o P/VP. Vamos supor que o VP de uma empresa é de R$10,00, mas suas ações estão sendo negociadas a R$12,00. Assim o P/VP será de 12/10 = 1,2. Esse valor, quando está acima de 1, demonstra que a empresa tem boas perspectivas, já que suas ações estão sendo negociadas acima do valor patrimonial.

Lucro

Por fim, o Lucro é um indicador que representa o retorno sobre uma ação. É o lucro líquido dividido pelo número de ações da empresa. Quanto maior esse valor, maior o lucro por ação que a empresa está trazendo para os investidores.

Invista em você!

Você sabia que aproximadamente 70% dos brasileiros possuem despesas mensais superiores aos rendimentos e que, além disso, mais de 63 milhões de brasileiros estão endividados e com restrição no CPF? Para que você não faça parte dessa estatística, é importante aprender como gerir melhor seu dinheiro.

Pensando em resolver essa situação tão comum em nosso país, desenvolvemos o curso Gestão Financeira Pessoal. Com ele, você será capaz de estruturar sua vida financeira, sair das dívidas, se organizar com antecedência para declarar seu imposto de renda e entender melhor sobre investimentos.

Se você quer fazer as pazes com o seu dinheiro, clique na imagem abaixo e obtenha maiores informações sobre o curso!

Curso Gestão Financeira Pessoal

Thiago Coutinho

Thiago Coutinho

Thiago é formado em Engenharia de Produção, pós-graduado em estatística e mestre em administração pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). Black Belt em Lean Six Sigma, trabalhou com metodologias para redução de custos e otimização de processos na Votorantim Metais, ingressando posteriormente na MRS Logística como trainee, onde ocupou posições de gestor e especialista em melhoria contínua. Com certificação Microsoft Office Specialist (MOS®) e Auditor Lead Assessor ISO 9001, atendeu a diversas empresas em projetos de consultoria, além de treinamentos e palestras relacionadas a Lean Seis Sigma, Carreira e Empreendedorismo em congressos de renome nacional como o ENEGEP (Encontro Nacional de Engenharia de Produção) e internacional como Congresso Internacional Six Sigma Brasil. No ambiente acadêmico atua como professor de cursos de Graduação e Especialização nas áreas de Gestão e Empreendedorismo. Empreendedor serial, teve a oportunidade de participar de empreendimentos em diversos segmentos. Fundador do Grupo Voitto, foi selecionado no Programa Promessas Endeavor, tendo a oportunidade de receber valiosas mentorias para aceleração de seus negócios. Atualmente é mentor de empresas e se dedica à frente executiva da Voitto, carregando com seu time a visão de ser a maior e melhor escola on-line de gestão do Brasil.

Clique aqui e inscreva-se!

QUER RECEBER CONTEÚDO VIP?

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.

Respeitamos sua privacidade e nunca enviaremos spam!

voitto.com.br

© Copyright 2008 - 2024 Grupo Voitto - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

[Curso] Gestão Financeira Pessoal

Para baixar o material, preencha os campos abaixo:

Possui graduação completa?

Concordo em receber comunicações de acordo com a Política de Privacidade.