CURSO GRATUITO

INSCRIÇÕES ATÉ

21/06

Inscreva-se agora

Quais são os melhores critérios para avaliar o aluno? Veja nossas 4 dicas!

Entenda porque a aprendizagem está totalmente relacionada com os melhores critérios para avaliar o aluno e quais são as vantagens de utilizá-los.

Voitto Academy
Por: Voitto Academy
Quais são os melhores critérios para avaliar o aluno? Veja nossas 4 dicas!

Quando falamos da criação de conteúdo, pode-se dizer que para aqueles que são professores e criadores de cursos ou materiais didáticos, o principal questionamento que vem à mente é: “Quais são os melhores critérios para avaliar um aluno?”.


É sobre isso que nós iremos conversar hoje. Antes de qualquer coisa, é preciso lembrar que a avaliação de um aluno precisa corresponder a uma boa didática oferecida e assim, o mesmo absorver todo o conteúdo proposto.


Se você quer saber quais são os melhores critérios para avaliar um aluno, nós iremos te mostrar nos seguintes tópicos:

  • Por que avaliar um aluno?
  • Confira as principais metodologias para avaliar o aluno;
  •  4 melhores critérios para avaliar seu aluno;
  •  Como incentivar o seu aluno a aprender?

Pegue seu chá predileto, uma caneta e um papel, caso queira anotar algum ponto e vamos conversar!

Por que avaliar um aluno?

A avaliação do aluno é importante para medir parâmetros de conhecimento sobre determinada área, pauta ou conteúdo. Esse processo é benéfico tanto para o aluno quanto para o professor avaliar as melhores didáticas de ensino e estudo.


Além disso, nos dias de hoje, já é super ultrapassado rotular um aluno por ser aprovado ou reprovado em uma avaliação e relacioná-lo com o desempenho dos demais alunos.


O conhecimento e a aprendizagem são critérios individuais que devem ser respeitados no desempenho dos alunos, então é fundamental priorizar a avaliação contínua.


Os parâmetros de avaliação podem ser feitos ao longo do processo do conhecimento do aluno, não somente no final dela. É válido afirmar que em avaliações também é possível medir a didática oferecida em aula.


Como todo mundo já disse ao menos uma vez na vida: se a reprovação for maior do que a aprovação, a chance da didática aplicada ser ruim é maior do que a ineficiência do aluno ao aprender.


Agora, vamos ao que nos interessa! Quais são os melhores critérios para avaliar o aluno? Continue na leitura para entender mais!

Confira as 4 principais metodologias para avaliar o aluno!

Uma avaliação do professor para o aluno consiste em três etapas: o conhecimento, a análise e o redirecionamento. Sendo assim, possibilita ao discente e docente traçar novas estratégias para o processo de aprendizagem.


A partir de agora, veja quais são as metodologias para avaliar o aluno.

1. Sala de aula invertida

A metodologia da sala de aula invertida é um critério de avaliação da metodologia ativa de aprendizado. Dentro dessa dinâmica, o discente procura pelo assunto que for proposto e deverá apresentar para uma ou diversas pessoas.


Sendo assim, por meio das dúvidas levantadas, é possível ver o quanto o aluno dominou o assunto. Aliás, já é comprovado pela pirâmide do aprendizado que entendemos melhor quando explicamos tais pautas para outra pessoa. Ademais, uma boa avaliação também pode ser constatada por trabalhar em grupo.

2. Ensino híbrido

Desde 2020 a questão do ensino híbrido tem sido muito pautada nas grandes cooperativas e escolas de ensino. Nessa metodologia de avaliação, o aluno possui a chance de mesclar formas de aprendizagem tradicionais e tecnológicas.


Nesse modelo de rotação o estímulo para o critério de avaliação do aluno é a diversidade de espaço para o ensino acontecer. Sendo assim, a criatividade é estimulada, pois é necessário sair da zona de conforto.

3. Seminários e Rodas de Conversa

Se formos analisar, a vida é uma eterna roda de conversa onde precisamos nos posicionar e compreender o lado do outro. É interessante pensar que deve-se esperar um preparo do aluno para debater sobre uma determinada pauta.


No entanto, quanto mais preparado o aluno estiver, melhores serão seus argumentos e desenvolvimento durante o seminário ou a roda de conversa. A aprendizagem é essencial para esse tipo de metodologia em cooperativa.

4. Gamificação

Uma aprendizagem com gamificação engaja a curiosidade do aluno em aprender para, no final, conseguir um determinado prêmio que o motive. Aliás, recompensas são necessárias para o sucesso.


Jane McGoal, especialista em gamificação, afirma que essa metodologia traz os seguintes benefícios: participação voluntária, meta, regras e feedback com o time. Na equipe geralmente encontram-se os seguintes jogadores: socializadores, exploradores, conquistadores e killers.

Os 4 melhores critérios para avaliar seu aluno

Finalmente chegamos na principal questão que gostaríamos de falar: os melhores critérios para avaliar o aluno. Por isso, continue prestando atenção no que temos para te apresentar e vamos ao que nos interessa!

1. Prova avaliativa

Previamente, é considerável destacar que a avaliação por meio de provas é um parâmetro relativo, pois o aluno possui um leque de opções para tirar uma boa nota, mas não saber sobre a temática. Porém, as provas ainda são instrumentos avaliativos que entram nos melhores critérios para avaliar o aluno.


No entanto, a nota da prova diz mais sobre o professor do que sobre o aluno. Isso acontece quando, por exemplo, em uma sala com 30 alunos, apenas 5 são aprovados. Isso é um feedback negativo para o docente. Já quando apenas 5 reprovam, é um parâmetro positivo na didática aplicada.

2. Autoavaliação

A autoavaliação é uma porta para o aluno abrir sua trajetória no caminho do conhecimento. Nesse caso, o discente tem a oportunidade de avaliar seus próprios parâmetros de conhecimento sobre determinado assunto.


O mais interessante dessa abordagem é que além de perdurar uma competência socioemocional, é também possível instigar no aluno a autogestão e empatia.

3. Simulados

Os simulados são uma maneira de avaliar o aluno para também prepará-lo oficialmente para uma prova, exame ou até mesmo concurso e processos seletivos.


Por meio desse critério de avaliação do aluno é possível mensurar o desempenho do mesmo, aprimorar estratégias de ensino do corpo docente e preparar os alunos para eventuais avaliações “oficiais”.

4. Atividades online

As atividades online tornaram-se as aliadas dos estudantes durante a pandemia. Sendo assim, é válido realçar que a Geração Z tem muito mais facilidade com tecnologia, nesse caso, é possível disseminar informações por meio de plataformas digitais.

Apesar de ser uma prática desafiadora, implementar táticas de gamificação é sempre interessante para manter os alunos engajados no aprendizado e em seus resultados.

Agora que você já sabe os melhores critérios para avaliar o aluno e suas metodologias, eu vou te contar uma coisa que ninguém nunca comentou: como aprender qualquer coisa? Siga conosco para saber mais!

Como incentivar o seu aluno a aprender?

Se você é um leitor assíduo do Blog Voitto com certeza deve ter ouvido falar de Josh Kaufman e o TED Como aprender qualquer coisa. Então vamos retomar o assunto!


De forma sucinta, o real aprendizado acontece nas primeiras 20 horas de acesso ao conteúdo. Se todos os dias, por 45 minutos o aluno estudar sobre um determinado assunto, em um mês estará dominando a pauta.


Mostre esses dados aos seus alunos, se ofereça para ajudá-lo a montar uma planilha de estudos com horários já determinados, de acordo com as necessidades dele, é claro!


No entanto, essas 20 horas precisam ter constância e discernimento para reconhecer qual é o objetivo do estudo.


Apresente aos seus alunos 3 fontes de estudos diferentes (por exemplo: um vídeo, um livro e um seminário), remova distrações de suas aulas e os incentive a praticar de forma contínua, mostrando exemplos de pessoas bem sucedidas.


Mas, antes de tudo, é necessário reconhecer o trabalho dele, dar feedbacks constantes é uma ótima forma do aluno saber se está, ou não, indo na direção certa.


Interessante, não é mesmo? Agora que você já sabe os melhores critérios para avaliar o aluno, continue nos acompanhando no Voitto Academy para ajudarmos no seu processo de capacitação.

Voitto Academy

Voitto Academy

Fundada em 2008, a Voitto nasceu da insatisfação de um de seus fundadores com os modelos acadêmicos tradicionais de ensino que focam na parte técnica e teórica e não acompanham as mudanças, deixando de lado novas práticas empresariais e habilidades fundamentais para sucesso em um novo mundo de negócios. Somos uma escola online de negócios que ensina habilidades que todo profissional, independente da sua área de atuação, deveria dominar para melhorar seus resultados e acelerar sua carreira.

QUER RECEBER CONTEÚDO VIP?

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.

Respeitamos sua privacidade e nunca enviaremos spam!

voitto.com.br

© Copyright 2008 - 2024 Grupo Voitto - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Material Gratuito

Para baixar o material, preencha os campos abaixo:

Possui graduação completa?

Concordo em receber comunicações de acordo com a Política de Privacidade.