ANIVERSÁRIO VOITTO

A MAIOR OFERTA DO ANO! TODO SITE COM ATÉ50% OFF

O que é Prospecção Tecnológica?
Importância da Prospecção Tecnológica
Como funciona a Prospecção Tecnológica?
Tipos de abordagens e metodologias
Exemplos de Prospecção Tecnológica
Agora que você aprendeu sobre Prospecção Tecnológica, o que acha de se capacitar em transformação digital?

Quer inovar no seu negócio? Então, conheça a Prospecção Tecnológica!

A Prospecção Tecnológica é um processo que instiga a inovação dentro de diversos mercados, se mostrando essencial para quem quer se destacar.

Thiago Coutinho
Por: Thiago Coutinho
Quer inovar no seu negócio? Então, conheça a Prospecção Tecnológica!

Não é novidade para ninguém o quanto o mercado está cada vez mais dinâmico e o quanto é importante buscar por novas tecnologias para acompanhar e suprir as demandas dos clientes. Diante disso, um dos caminhos para alcançar esses patamares é a prospecção tecnológica.

Com o objetivo de ampliar os horizontes e permitir que as empresas tracem possibilidades para entender as tendências de mercado, essa metodologia conta com diversas abordagens que se mostram eficientes para a definição de estratégias de mercado.

Por isso, se você quer se destacar e estar à frente dos seus concorrentes, é fundamental entender a fundo o conceito e as aplicações da prospecção tecnológica. Mas não se preocupe! Aqui você encontrará tudo o que precisa saber sobre o tema através dos seguintes tópicos:

  • O que é Prospecção Tecnológica?;
  • Importância da Prospecção Tecnológica;
  • Como funciona a Prospecção Tecnológica?;
  • Tipos de abordagens e metodologias;
  • Exemplos de Prospecção Tecnológica.

Vamos à leitura?

O que é Prospecção Tecnológica?

Antes de aprofundar no conceito de prospecção tecnológica, é fundamental entender melhor os dois termos que o compõem. De maneira geral, prospectar significa a busca pelo potencial cliente.

Quando colocamos a tecnologia atrelado a esse verbo temos então o foco em desenvolver em termos de atendimento, processos, produtos e serviços soluções inovadoras que sejam capazes de atender as demandas dos usuários, sejam internos e externos, a fim de impactar positivamente na experiência do cliente final.

Sendo assim, prospecção tecnológica é um ato altamente voltado para entender as mudanças de cenários e necessidades, a fim de fazer com que empresas e entidades estejam preparadas para enfrentá-las antes mesmo que elas aconteçam.

Vale lembrar que o conceito pode se manifestar de diferentes formas, como:

  •  Empreendedorismo tecnológico;
  • Investimento em Pesquisa e Desenvolvimento para criação de outras tecnologias;
  • Uso de recursos publicados para averiguar avanços tecnológicos, como documentos de patentes;
  • Uso de inteligência artificial para averiguar tendências e se preparar para elas;
  • Ações que busquem resolver problemas através de inovação disruptivaou incremental.

Independente das formas que podem ser usadas, a prospecção tecnológica tem se mostrado cada vez mais eficaz no desenvolvimento de negócios. Por isso, você precisa entender mais a fundo qual a importância de investir nesse processo. Veja a seguir!

Importância da Prospecção Tecnológica

Como você já deve imaginar, a prospecção tecnológica é muito importante para a inovação. Afinal, ela impulsiona novas abordagens e investimento em pesquisa e desenvolvimento. Dessa forma, as atualizações são mais dinâmicas e tempestivas.

Através do processo de prospecção tecnológica é possível atingir diversas melhorias, por exemplo, através:

  •  Da identificação de demanda por novas tecnologias através de acompanhamento das perspectivas e tendências de mercado;
  • Do foco em desenvolver novas fontes de licenciamento, inclusive tendo a base de melhoria de patentes até mesmo recém registradas;
  •  Do entendimento de oportunidade da formação de relações com parceiros, clientes e fornecedores a fim de estar cada vez mais alinhado com às suas expectativas de otimizações de processos em interface;
  • Da identificação de novas ideias tecnologias lançadas no mercado para colocá-las em prática ou adquiri-las, inclusive através de startups;
  •  Da utilização da globalização para acompanhar também padrões em países mais desenvolvidos, como os Estados Unidos, a fim de possibilitar a incorporação dessas tendências no mercado nacional;
  •  Da busca constante por traçar os cenários possível a fim de detectar ameaças e oportunidades;
  • Da análise minuciosa a respeito da posição competitiva de um negócio e das estratégias bem-sucedidas dos demais players de mercado;
  • Da gestão de risco para construção do planejamento de curto, médio e longo prazo.

Dessa maneira, é possível notar que a prospecção tecnológica é fundamental para que uma empresa consiga entender melhor como avançar no mercado em que está inserida. Afinal, ela trará uma visão mais ampla da sua tecnologia em comparação com os concorrentes e com as tendências mundiais.

Além de impulsionar a criação de novos produtos e serviços, vale também ressaltar que esse processo pode causar impactos significativos em termos de redução de custos e otimização de investimentos. Trazendo assim mais otimizações para aquilo que já é praticado.

Ou seja, a prospecção tecnológica permite que a empresa:

  • Tenha mais assertividade no processo de tomada de decisão, dado a ciência das diversas variáveis analisadas;
  • Consiga antecipar comportamentos e mudanças do mercado em que está inserida a fim de identificar demandas potenciais e se adequar a elas tempestivamente;
  • Redução das incertezas visto a gestão de risco mais abrangente com planos para superar todos os possíveis desafios a serem encontrados.

Como funciona a Prospecção Tecnológica?

A prospecção tecnológica funciona de acordo com o processo cronológico de 4 fases complementares. Isso significa que independente do objetivo que ela tenha, o planejamento, a execução e o tratamento dos resultados devem se dar de maneiras semelhantes.

Em um primeiro momento, deve-se passar pela preparação. No seu desenrolar, é preciso definir os objetivos da prospecção tecnológica, o escopo, a abordagem e a metodologia. Mas não se preocupe ainda sobre esses conceitos, você vai conhecer as possibilidades de atuação neles mais a fundo no próximo tópico.

Definidos esses pontos, inicia-se a fase pré-prospectiva. Ela é uma das mais essenciais para o sucesso desse tipo de prospecção, pois é nela que será definido o tipo de fontes de dados a ser utilizado para angariar a informação tecnológica. Entre as possibilidades estão:

  • Estudos de revisão sistemática;
  • Artigos e livros escritos por especialistas;
  • Publicações de patentes;
  • Dados oficiais históricos para definir padrões e tendências;
  • Análises de mercado;
  • Preceitos e desenvolvimentos das áreas mais avançadas, como a internet das coisas.

Lembrando que as fontes devem estar sempre em linha com a metodologia e a abordagem escolhidas.

Com isso, chega o momento da etapa prospectiva, ou seja, a coleta, o tratamento e a análise de dados efetivamente. Para isso, é essencial que as análises sejam feitas e conferidas, a fim de garantir que nenhuma inconsistência.

Por fim, inicia-se a fase chamada de pós-prospectiva. Um dos maiores diferenciais para o processo de prospecção tecnológica. Nela haverá a comunicação dos resultados, o implemento de todas as ações traçadas e o monitoramento das mesas.

Afinal, a prospecção tecnológica pressupõe que as inovações sejam colocadas em prática e não estejam apenas no mundo das ideias.

Mas como você já pôde perceber, existem diversos caminhos para desenvolver uma prospecção tecnológica no que tange às abordagens e metodologias.

Por isso, é importante conhecer as opções e ferramentas para saber quais fazem mais sentido para o seu negócio. Sendo assim, não deixe de conferir o tópico abaixo.

Tipos de abordagens e metodologias

Como você já sabe, há múltiplos tipos de abordagens e metodologias para a prospecção tecnológica. Afinal, esse é um processo muito abrangente e que deve ser analisado caso a caso.

Por isso, é muito comum que ao aplicar essa vertente de prospecção seja utilizada mais de uma técnica. Essa combinação traz mais assertividade, diminuindo as dificuldades inerentes ao processo, como:

  •   Percepções individuais enviesadas;
  •   Métodos quantitativos fora da realidade;
  •   Desafio de padronizar e objetivar técnicas qualitativas.

Diante disso, existem três abordagens básicas na prospecção tecnológica que podem ser tomadas como o norte do desenvolvimento desse processo. São elas:

Inferência convencional

Tem como base a premissa que o futuro tende a reproduzir, de certa forma, os acontecimentos passados. Com isso, as experiências históricas podem ser um bom termômetro para prever tendências;

Geração sistemática de trajetórias alternativas

Possui como fundamentação a criação de cenários para entender as possibilidades de acontecimentos futuros. Com isso, mexe-se em alguns parâmetros e variáveis para entender o impacto que essa alteração pode causar em cada uma das situações;

Construção do futuro por consenso

Focada em entender e alinhar as perspectivas e pensamentos de especialistas, essa abordagem se baseia na intuição ou cognição coletiva de pessoas dotadas de capacidade e conhecimento sobre o tema em que se propõem.


Dado isso, é possível utilizar métodos para auxiliar no processo de prospecção tecnológica. Dentro de cada um deles existem ferramentas ideais e objetivos diferentes. Por isso, separamos em detalhes os 5 métodos mais eficazes para te auxiliar a entender qual ou quais são os melhores para o seu contexto.

Análise de Tendências

A análise de tendências é uma metodologia voltada para a abordagem de inferência convencional. Isso porque trata das observações de padrões dos acontecimentos passados para tentar prever cenários futuros, principalmente em curto prazo.

Para isso, as seguintes ferramentas podem servir como apoio:

  • Análises de regressão estatística;
  • Curvas S;
  • Curvas de aprendizado.

Vale ressaltar que esse modelo possui limitações no que tange ao longo prazo, dado que não leva em consideração mudanças que impactem fortemente os cenários traçados. No entanto, para curto prazo, caso os parâmetros sejam bem quantificados, mostra-se eficiente.

Monitoramento e Sistemas de Inteligência

Enquanto a metodologia anterior era voltada para a abordagem de inferência convencional, é possível dizer que o monitoramento e os sistemas de inteligência se conectam mais com a geração sistemática de trajetórias alternativas.

Afinal, essa abordagem usa da inteligência competitiva tecnológica para identificar possíveis ameaças e oportunidades para o tema central da prospecção tecnológica. Com isso, torna- se mais fácil traçar cenários e mapear impactos positivos e negativos de determinadas situações.

É muito comum que o monitoramento e os sistemas de inteligência sejam uma metodologia complementar. Ou seja, usada sempre em conjunto com outros tipos.

Opinião de Especialistas

Como o próprio nome já sugere, a opinião de especialistas é uma metodologia voltada para colocar em prática a abordagem de construção do futuro por consenso. Por isso, tem como base opiniões qualitativas de pessoas com grande conhecimento sobre o objetivo do processo de prospecção tecnológica.

Para isso, algumas ferramentas podem ser de grande ajuda. Como por exemplo:

  • Método Delphi;
  • Painéis e brainstorms de discussões entre especialistas para mapear diferentes perspectivas e até mesmo ideias de inovação;
  • Questionários e entrevistas individuais;
  •  Livros sobre inovação e tecnologia;
  • Seminários, comitês ou outros fóruns que propiciem a troca de informações.

Sendo assim, essa metodologia é considerada mais subjetiva e deve ser idealmente aplicada em conjunto com outras ou quando não se tem maneiras de obter informações quantitativas.

Vale destacar que o foco aqui é entender como alinhar criatividade e inovação na resolução de problemas.

Construção de Cenários

A construção de cenários é uma metodologia que combina diferentes abordagens. Isso porque busca unir variáveis qualitativas e quantitativas às previsões de tendências futuras que também levam em consideração padrões de eventos passados.

Dessa maneira, ela é considerada muito abrangente e para aplicá-la é possível utilizar táticas como:

  • Matriz SWOT: mapeamento de fraquezas, oportunidades, forças e ameaças;
  • Matriz BCG: categorização de atividades, participação relativa e o crescimento do mercado em alto ou baixo.

Por ser uma das opções mais completas, incorpora uma grande gama de variáveis e informações. Diante disso, pode ser um desafio cruzar todos os dados e encontrar respostas conclusivas.

No entanto, caso esse ponto seja superado, é comum que a assertividade do método seja muito alta e eficaz no processo de melhoria contínua.

Inteligência Competitiva Tecnológica

A inteligência competitiva tecnológica pode ser considerada como um processo sistemático que envolve a coleta, a gestão, a análise e a disseminação de dados informações que sejam capazes de embasar o processo decisório das organizações e auxiliá-las a atingir suas metas estratégicas.

O foco dessas informações é capturar as percepções sobre os ambientes competitivos, concorrenciais e organizacionais que a empresa está inserida. Com isso, é possível levantar dados como:

  • Capacidade atual e futura dos demais players de mercado, tendo em vista as suas ações e potenciais intenções com elas;
  • Entendimento da posição competitiva de um negócio frente aos concorrentes;
  • Ganho de vantagem competitiva com a diminuição do tempo de reação às mudanças;
  • Destaque por ser capaz de propor inovações até mesmo antes de demandas serem criadas. 

Ferramentas Analíticas

As ferramentas analíticas também podem ser consideradas como métodos para se aplicar a prospecção tecnológica. Por meio delas, é possível trabalhar diversas informações em conjunto. Sendo assim, podem ser de grande valia até na construção de cenários.

Para isso, alguns caminhos podem ser usados, como por exemplo:

  • Modelagens e simulações;
  • Análises de patentes em relação aos recursos gastos em pesquisa e desenvolvimento (P&D);
  • Análises de multicritério e de Road Map.

Com um modelo construído, essas ferramentas serão capazes de trazer respostas com agilidade otimizando o processo de prospecção tecnológica.

No entanto, vale se atentar aos critérios utilizados. Afinal, caso eles não sejam condizentes com o contexto, os resultados podem estar inadequados em relação à realidade.

Agora que você já conhece as abordagens e métodos possíveis para o processo de prospecção tecnológica, é hora de conhecer na prática exemplos dessa aplicação. Confira abaixo!

Exemplos de Prospecção Tecnológica

A prospecção tecnológica pode ser aplicada nos mais diversos âmbitos, afinal, não existem limites para as inovações. No entanto, é possível destacar alguns cases que se mostram como diferenciais.

Hospital no Metaverso

A rede de hospital Alder Hey Children's Hospital em conjunto com a PixelMax anunciou em julho de 2022 a criação e o desenvolvimento de uma unidade hospitalar no metaverso.

De acordo com o matéria publicada no VRScouta intenção é permitir que as crianças tenham uma experiência com o hospital mesmo antes de eventuais internações e exames.

Inicialmente foi publicada uma sala de radiologia. Nela as crianças podem explorar os ambientes e colecionar algumas chaves. Cada uma delas dá acesso a novos ambientes, o que simula um jogo de computador ou videogame.

Universo Farmacêutico

Outro mercado em que a prospecção tecnológica tem ganhado cada vez mais visibilidade é no farmacêutico. Afinal, esse é um ambiente em que muitas patentes são registradas e há grandes investimentos em pesquisa e desenvolvimento.

De acordo com os novos registros, pesquisadores e indústrias químicas do ramo fazem estudos para entender quais as melhores estratégias e combinações de componentes para determinadas doenças ou sintomas.

Agora que você aprendeu sobre Prospecção Tecnológica, o que acha de se capacitar em transformação digital?

Com o passar dos anos o mundo tem se transformado e aberto cada vez mais espaço para tecnologia e por isso a Prospecção Tecnológica se torna cada vez mais importante para empresas e ramos comerciais.

Pensando nisso, a Voitto desenvolveu um curso especial para quem deseja se manter atualizado das transformações digitais do mercado, principalmente na área de engenharia!

Ficou curioso para aprender mais sobre o assunto? Clique na imagem abaixo e venha fazer parte do time Voitto!

Transformação Digital para Engenheiros

Thiago Coutinho

Thiago Coutinho

Thiago é formado em Engenharia de Produção, pós-graduado em estatística e mestre em administração pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). Black Belt em Lean Six Sigma, trabalhou com metodologias para redução de custos e otimização de processos na Votorantim Metais, ingressando posteriormente na MRS Logística como trainee, onde ocupou posições de gestor e especialista em melhoria contínua. Com certificação Microsoft Office Specialist (MOS®) e Auditor Lead Assessor ISO 9001, atendeu a diversas empresas em projetos de consultoria, além de treinamentos e palestras relacionadas a Lean Seis Sigma, Carreira e Empreendedorismo em congressos de renome nacional como o ENEGEP (Encontro Nacional de Engenharia de Produção) e internacional como Congresso Internacional Six Sigma Brasil. No ambiente acadêmico atua como professor de cursos de Graduação e Especialização nas áreas de Gestão e Empreendedorismo. Empreendedor serial, teve a oportunidade de participar de empreendimentos em diversos segmentos. Fundador do Grupo Voitto, foi selecionado no Programa Promessas Endeavor, tendo a oportunidade de receber valiosas mentorias para aceleração de seus negócios. Atualmente é mentor de empresas e se dedica à frente executiva da Voitto, carregando com seu time a visão de ser a maior e melhor escola on-line de gestão do Brasil.

Inscreva-se no Programa de Formação em Tecnologia da Voitto!

QUER RECEBER CONTEÚDO VIP?

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.

Respeitamos sua privacidade e nunca enviaremos spam!

voitto.com.br

© Copyright 2008 - 2024 Grupo Voitto - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

[Formação] Programa De Formação Em Tecnologia Botão Lateral

Para baixar o material, preencha os campos abaixo:

Possui graduação completa?

Concordo em receber comunicações de acordo com a Política de Privacidade.