ANIVERSÁRIO VOITTO

A MAIOR OFERTA DO ANO! TODO SITE COM ATÉ50% OFF

O que é Sensacionalismo?
História do Sensacionalismo
Quais são as características do Sensacionalismo?
Sensacionalismo X Sensacionismo
Como evitar o Sensacionalismo em um portal de notícias?
Saiba como contar histórias por meio do Storytelling!

Você sabe o que é Sensacionalismo? Aprenda os principais conceitos e como evitá-lo!

Quem faz uso do Sensacionalismo está longe de ser considerado um profissional. Entenda o porquê ao descobrir as principais características desse conceito.

Franciane Pereira
Por: Franciane Pereira
Você sabe o que é Sensacionalismo? Aprenda os principais conceitos e como evitá-lo!

O sensacionalismo é um tipo de comunicação midiática que consiste em um evento ou assunto transmitido de forma exacerbada para aumentar a taxa de telespectadores e/ou leitores.

Quando falamos em segmentos midiáticos e no meio jornalístico, é importante ficar atento para a presença do sensacionalismo, pois ele está inserido tanto na cultura brasileira quanto mundial, mas que deve ser fortemente combatido.

Isso porque um trabalho sensacionalista está bem longe de ser profissional, já que faz com que uma notícia séria se torne um espetáculo para o público, indo contra os princípios de um jornalismo sério e comprometido com a verdade.

Dessa forma, qualquer pessoa que pretende escrever matérias e conteúdos noticiosos precisa estar atento a essa prática. Para isso, é importante entender do que realmente se trata e como ele funciona, para que possa ser evitado durante suas atividades profissionais.

Visto isto, neste artigo vamos te explicar melhor sobre as características presentes nessa prática e ainda como ela pode ser evitada. Continue a leitura para ver a respeito nos seguintes tópicos:

  • O que é Sensacionalismo?
  • História do Sensacionalismo;
  • Quais são as características do Sensacionalismo? 
  • Sensacionalismo x Sensacionismo;
  • Como evitar o Sensacionalismo em um portal de notícias?

Vamos lá!

O que é Sensacionalismo?

Sensacionalismo é uma postura de comunicação na qual as informações são apresentadas ao público-alvo de modo tendencioso, possuindo como intuito promover fortes reações ou choque no mesmo.

Dessa maneira, os meios de comunicação o utilizam para instigar maior interesse e aumentar o tráfego de pessoas que recebem seu conteúdo. Apesar de poder ser utilizado em todos os modelos de mídia existentes, é mais recorrente em jornais.

Tanto que, esse tipo de prática também é conhecida como “jornalismo amarelo” , termo que surgiu no fim do século XIX, quando os jornais New York World e New York Journal disputavam pela atenção de leitores, aplicando todas as formas de sensacionalismo existentes em suas matérias visando aumentar sua circulação no mercado.

Como esse exercício é praticamente sempre feito com a intenção de manipular as informações, ele é regado de exageros, das chamadas fake news e ainda de omissões de informações relevantes em notícias.

Além disso, o jornalismo sensacionalista também é feito com o intuito, na grande maioria das vezes, de atender a interesses políticos e econômicos.

História do Sensacionalismo

Apesar desse termo ser um conceito que parece ter surgido no mundo globalizado devido aos meios de comunicação e a intensa disputa por acessos, cliques e telespectadores, o sensacionalismo tem como origem a Roma Antiga!

Existem relatos que algumas notas oficiais (Acta Diurna) exibidas em público geravam um certo alvoroço e tinham uma maior adesão entre a população da época que era analfabeta.

Contudo, foi durante os séculos XVI e XVII que o sensacionalismo foi utilizado de fato com o intuito de aumentar a visibilidade e disseminação da informação.

Isso aconteceu por meio da divulgação de livros e notícias para fomentar o engajamento da sociedade na política e economia, algo que não era muito comum na época, não é verdade?

Ao nos aproximarmos um pouco da nossa época, também podemos observar que a Inglaterra do século XIX aplicou o sensacionalismo na produção de livros chocantes e escandalosos, o que gerou o chamado “romance de sensação”.

Quais são as características do Sensacionalismo? 

Existem alguns aspectos básicos e que são comuns a todas as notícias consideradas sensacionalistas. São eles:

Exagero 

Notícias sensacionalistas sempre apresentam fatos de modo exagerado, e que ainda não prezam pela objetividade das informações, buscando provocar emoções como revolta, surpresa ou até mesmo empolgação em seu público-alvo.

Normalmente, fatos que não possuem grande relevância são manipulados e exagerados, alterando seu real significado para que causem uma maior repercussão.

Interpretações tendenciosas de entrevistas

Jornais sensacionalistas também distorcem o conteúdo de entrevistas. Por exemplo: frases ditas por pessoas entrevistadas são retiradas de seu contexto, e assim podem ser interpretadas de outra forma, seguindo a vontade de quem está produzindo aquele conteúdo.

Imagens chocantes e apelo emotivo

Uma outra característica muito presente é a utilização de fotos apelativas que buscam influenciar o lado emocional das pessoas.

Geralmente esses apelos estão relacionados com assuntos que possuem esse poder. São exemplos deles: questões de saúde, corrupção ou seguranças.

Clickbait

Hoje em dia, graças a internet, uma outra prática de sensacionalismo é o chamado clickbait

Essa técnica consiste em apresentar títulos ou manchetes de maneira incompleta, a fim de obrigar o leitor a acessar o conteúdo para realmente entender o que está por trás do que foi anunciado.

Agora que você pôde ver quais são suas principais características, vamos te ensinar como é possível evitar essa apresentação de informações tendenciosa em um portal de notícias.

Sensacionalismo X Sensacionismo

Existem duas palavras que são parecidas e alguns dicionários até as consideram como sinônimos: sensacionalismo e sensacionismo. Contudo, elas possuem significados completamente diferentes. Para nunca mais confundir:

O sensacionalismo é a transmissão tendenciosa de notícias, eventos ou outro assunto, normalmente feita a fim de gerar mais acessos no site ou telespectadores, já o sensacionismo consiste em um vertente filosófica e literária que defende que o nosso conhecimento é advindo de sensações.

Como evitar o Sensacionalismo em um portal de notícias? 

Além de entender o que o sensacionalismo é e como ele é caracterizado, é preciso saber como evitá-lo.

Assim, algumas boas práticas podem ser seguidas para isso. Veja só:

Apurando as informações e transmitindo-as com correção

Indivíduos que praticam um jornalismo realmente sério só divulgam informações que foram devidamente apuradas, para evitar que os acontecimentos sejam expostos de maneira errada.

Sendo assim, todos os fatos que serão apresentados aos leitores precisam ser averiguados quanto a sua veracidade.

Buscando uma visão plural dos fatos

Uma notícia de qualidade é aquela que apresenta vários lados de uma mesma história. Ou seja, é preciso ter imparcialidade na hora de transmitir informações buscando uma visão plural dos fatos e ainda que essa busca seja feita em mais de uma fonte existente.

Verificando termos técnicos, estatísticas e dados numéricos

Apesar de que estatísticas, termos técnicos e dados numéricos serem importantes e interessantes para um conteúdo enriquecido e de qualidade, é sempre necessário identificar a procedência dessas informações.

Divulgar essas informações sem saber como elas foram geradas e quem os publicou é algo que nunca deve ser feito.

Por fim, evitando todas as práticas que são consideradas sensacionalistas e aderindo as aqui mencionadas, é possível criar um canal de comunicação com qualidade e que possui credibilidade para seus leitores.

Saiba como contar histórias por meio do Storytelling!

A palavra “storytelling” vem do inglês e significa "narração de histórias". É por meio dessa técnica que conseguimos falar sobre um assunto de forma envolvente e persuasiva, sem precisar do sensacionalismo para cativar o público!

Sabia que essa habilidade é uma das mais exigidas no mercado, principalmente no ramos de vendas e marketing.

Saiba mais sobre a habilidade de contar histórias por meio do nosso e-book Storytelling, material gratuito  em que você irá aprender as melhores técnicas para conseguir persuadir, contar sobre seu produto e suas experiências da maneira mais envolvente!

Faça o download clicando na imagem abaixo:

E-book Storytelling

Franciane Pereira

Franciane Pereira

Técnica em Meio Ambiente pelo Instituto Federal de Minas Gerais - campus Governador Valadares e grad. em Engenharia Elétrica - Robótica e Automação Industrial pela Universidade Federal de Juiz de Fora. Voluntária no Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos UFJF (IEEE UFJF). Atua como secretária do conselho e membro da equipe de marketing do grupo de afinidade IEEE Women in Engineering UFJF (IEEE WIE UFJF). Possui certificação em Produção de conteúdo, Marketing de conteúdo, Copywriting e Revisão de conteúdo. Especialista na produção de conteúdo na área de Pesquisa e Desenvolvimento do Grupo Voitto. Acredita e luta pela conquista do espaço das mulheres onde elas quiserem, principalmente nas áreas de tecnologias e afins!

 Performance de E-mail Marketing

QUER RECEBER CONTEÚDO VIP?

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.

Respeitamos sua privacidade e nunca enviaremos spam!

voitto.com.br

© Copyright 2008 - 2024 Grupo Voitto - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Performance De E Mail Marketing

Para baixar o material, preencha os campos abaixo:

Possui graduação completa?

Concordo em receber comunicações de acordo com a Política de Privacidade.