ANIVERSÁRIO VOITTO

A MAIOR OFERTA DO ANO! TODO SITE COM ATÉ50% OFF

O que é linguagem corporal?
Qual a importância dos Sinais Corporais?
Qual o significado dos Sinais Corporais?
Como interpretar os Sinais Corporais?
Como estudar linguagem corporal?
Como melhorar minha linguagem corporal?
Saiba como se comunicar de forma efetiva!

Entenda o Significado dos Sinais Corporais mais relevantes para uma conversa mais eficaz!

Aprenda o Significado dos Sinais Corporais que você não deve apostar, e o dos que deve praticar ao longo de uma conversação para transmitir a mensagem correta!

Franciane Pereira
Por: Franciane Pereira
Entenda o Significado dos Sinais Corporais mais relevantes para uma conversa mais eficaz!

A linguagem dos sinais corporais é tudo que demonstra nossos sentimentos através do corpo. Já ouviu a expressão: nosso corpo não mente? Nossos movimentos corporais e faciais dizem muito sobre como estamos nos sentindo e, ao mesmo tempo, é uma grande ferramenta para influenciar as pessoas ao nosso redor!

Alguma vez você já se sentiu mal interpretado, ou ainda percebeu um comportamento negativo de uma pessoa durante uma conversa? Ambas essas situações estão relacionadas com a linguagem corporal e os seus sinais.

Podendo se tornar algo ruim, caso esses sejam gestos considerados negativos.

Por isso, é importante que saibamos identificar o significado dos sinais corporais, para que possamos saber decodificar a pessoa a partir de seus gestos e expressões, como também evitar passar uma impressão indesejada aos outros.

Visto isso, se você quer aprender mais sobre o modo que o corpo fala, prossiga na leitura desse artigo, pois te explicaremos sobre nos seguintes tópicos:

  • O que é linguagem corporal?
  • Qual a importância dos Sinais Corporais?
  • Qual o significado dos Sinais Corporais?
  • Como interpretar os Sinais Corporais?
  • Como estudar linguagem corporal?
  • Como melhorar minha linguagem corporal? 

Vamos começar?

O que é linguagem corporal?

A linguagem corporal é a reunião de todas as expressões corporais. Ou seja, como o nosso corpo se manifesta por meio dos gestos, da nossa postura, das expressões faciais, entre outros sinais que são realizados por nosso corpo quando nos comunicamos.

Por isso, ela é considerada uma linguagem não-verbal, podendo ser consciente ou não, e surgiu antes mesmo da linguagem verbal.

Sendo assim, ela é uma das mais importantes formas de comunicação interpessoal, pois a maior parte da comunicação é feita através dela.

Além disso, essa linguagem é o foco de estudo da Kinésica, uma ciência que possui o objetivo de interpretar o significado dos sinais corporais.

Ainda, as pessoas que não tem consciência do significado da maior parte dos sinais corporais, na maioria das vezes não conseguem interpretá-los, ou eles até mesmo passam despercebidos aos seus olhos, esteja a pessoa os emitindo ou os recebendo.

Por conta disso, agora vamos te ensinar o significado dos sinais corporais, e te apresentaremos aqueles que você deve evitar, e em quais você deve apostar para parecer uma pessoa com maior autoconfiança na sua comunicação não-verbal.

Qual a importância dos Sinais Corporais?

A resposta pode se resumir em dois parâmetros: desenvolvimento pessoal e influência positiva. Ao analisar o próximo e a você em diversas situações de desconforto, fica muito mais fácil perceber impulsos e sinais que poderiam ser neutralizados para um melhor desempenho numa conversa.

Por exemplo, em uma entrevista de empregoou então numa demissão, ambas necessitam de emoções estáveis e sinais corporais condizentes que acalmem a situação. Por isso, quanto maior o domínio da linguagem corporal, maior será seu desempenho pessoal e profissional.

Qual o significado dos Sinais Corporais? 

Te daremos agora alguns exemplos de sinais corporais bem comuns que muitas vezes executamos sem mesmo perceber e te explicaremos o significado de cada um.

Vamos abordar aqui os que são considerados sinais corporais negativos, e que devem ser evitados caso você não queira passar uma impressão negativa para a quem está o ouvindo em uma conversa.

Mão na boca

Colocar constantemente a mão ou os dedos na boca pode indicar que a pessoa está sendo relutante ou resistente a determinado assunto.

Algumas variações desse sinal são: passar a mão nos lábios ou colocar a mão no queixo.

Além disso, a mão na boca pode ser uma indicação de mentira ou falta de segurança daquilo que está sendo falado, e é como se a pessoa estivesse tentando impedir que as palavras fossem ditas.

Olhar constantemente para baixo

Executar muito esse sinal está relacionado ao desânimo, tristeza, podendo ainda representar medo e vergonha.

Porém, se durante um momento de comunicação alguém olha incessantemente para baixo, pode significar estar refletindo ou se lembrando de alguma coisa diretamente relacionada ao assunto que está sendo tratado.

Cruzar os braços

O ato de ficar com os braços cruzados significa uma expressão de irritação, ou ainda uma posição de defesa.

Além disso, esse sinal pode significar proteção. Por exemplo, quando uma pessoa está se sentindo desconfortável no meio de uma conversa, ela tende a cruzar os braços para dar uma sensação de conforto diante dessa situação.

Testa contraída

Manter a testa contraída em uma conversa demonstra tensão, dúvida ou até mesmo nervosismo.

Apoiar a cabeça entre as mãos

Esse é um sinal que demonstra que as pessoas estão entediadas e desinteressadas no assunto. Porém também pode dar indícios de tristeza e ociosidade.

Lábios comprimidos

Manter os lábios compridos, assim como a mão na boca, pode demonstrar que a pessoa está evitando dizer algo. Nesse caso, é evitando dizer o que pensa a respeito de um tópico.

Então, esses foram alguns dos muitos sinais que devemos evitar durante o processo de comunicação e para te ajudar neste processo trouxemos dicas para uma melhor comunicação.

Como interpretar os Sinais Corporais?

Para começar a entender a postura dos outros é necessário paciência e muita observação, pois apesar de existirem regras básicas para cada sinal corporal, como mencionado anteriormente, é possível terem exceções ou modificações a depender da pessoa. Então a observação será seu melhor amigo nesta situação.

Já em relação a seus sinais, não há pessoa melhor no mundo para te analisar do que você. Conhece o sistema límbico? É ele que maneja as emoções e motivações, então quando mais segurança você tiver mais confortável estará para analisar a situação e sua reação corporal a isto.

Então lembre-se: observe com cautela e esteja confortável para uma interpretação mais fiel!

Como estudar linguagem corporal?

Juntando tudo que aprendemos aqui ainda não será suficiente para você virar um especialista no assunto, por isso juntar a prática com o teórico sempre é uma boa saída, recomendamos a leitura de livros.

Veja alguns sobre a comunicação:

E alguns sobre a linguagem corporal:

  • Corpo fala: A linguagem silenciosa da comunicação não verbal -  Pierre Weil
  • Linguagem corporal dos líderes: Como essa linguagem silenciosa pode ajudar - ou prejudicar - o seu modo de liderar - Carol Kinsey Goman

Para finalizar, tenha em mente alguns tópicos que você tem que ter em mente para conseguir analisar e obter uma comunicação eficiente:

  • Empatia;
  • Mapeamento corporal (réplica da linguagem corporal do outro);
  • Tom de voz;
  • Formalidade das palavras.

Agora, diante de tudo que vimos, iremos te ensinar como é possível melhorar sua linguagem corporal, para que você passe a impressão de autoconfiança, e não o contrário.

Como melhorar minha linguagem corporal?

Já te ensinamos os sinais que não devem ser feitos caso você queira ter uma boa imagem durante suas conversas. Então, chegou a hora de aprender quais devem ser feitos.

Vamos lá:

Manter uma postura neutra

Como mencionado anteriormente, se você fecha os braços, pode indicar que está aborrecido.

Dessa maneira, quando mantém as mãos ao lado do corpo, a imagem que você passa é de neutralidade, e assim, cria uma atmosfera de maior simpatia.

Também, tente espelhar os sinais e gestos que a pessoa que está conversando com você realiza, pois isso dá a impressão de ser amigável.

Evitar tocar o rosto 

Como você viu, tocar em partes do seu rosto na maior parte das vezes sugere coisas negativas.

Sendo assim, é importante evitar esses gestos e apostar em outros sinais, como, por exemplo, levantar as sobrancelhas, e ainda, balançar a cabeça em concordância com o que a pessoa está dizendo.

Esses passarão a ideia de interesse no assunto e a demonstração de que você está ouvindo ativamente, e prestando atenção no que está sendo falado.

Respirar profundamente

Respirar de forma superficial dá a impressão de estresse e nervosismo. Procure sempre realizar respirações profundas, pois, essa sim, passa a ideia de calma e serenidade quando uma pessoa fala.

Além disso, apostar em uma respiração profunda pode te ajudar a manter a ansiedade, ou mesmo a raiva, sob controle durante uma conversa.

Olhar nos olhos da pessoa 

O contato visual é importante para que as pessoas entendam que você está realmente engajado na conversa, ou ainda, pode demonstrar que você está no controle de um debate.

Assim, aqui a dica é evitar olhar em outras direções ou para baixo, e fixar o seu olhar nos olhos das outras pessoas.

Se olhar diretamente os olhos parece difícil, tente focar no espaço entre as sobrancelhas. Isso torna a situação menos desconfortável, e ainda dá impressão que você está olhando na direção dos olhos.

Falar com tranquilidade 

Assim como na respiração, o modo como se fala e o tom de voz devem ser tranquilos para transmitir a ideia de credibilidade e autoridade.

Com palavras bem articuladas combinadas de pausas entre elas enquanto fala, as pessoas conseguirão entender bem o que está sendo dito, e a conversa se torna mais fluida.

Sorrir 

Por último, mas não menos importante, lembre-se de sorrir em uma conversa! O ato de sorrir permite que uma conversa seja positiva, e ainda corra de forma agradável.

Mas se atente para o equilíbrio, sorrisos em excesso podem passar a impressão de falsidade, então tente encontrar esse equilíbrio em seus diálogos.

Finalmente, com esses sinais, você estará apto para passar uma imagem confiante e correta de si mesmo para os seus interlocutores, ganhando assim respeito em diversas áreas, como por exemplo em seu ambiente de trabalho, garantido seu desenvolvimento pessoal.

Gostou deste artigo e quer aprender mais sobre como ter uma boa comunicação? Então, não deixe de conferir a super dica que trouxemos para você!

Saiba como se comunicar de forma efetiva!

Às vezes é difícil expressar o que realmente queremos, isso é algo que afeta não apenas as pessoas tímidas, mas principalmente pessoas expressivas que não tem claridade em suas falas e gestos.

Justamente para evitar conflitos na área profissional e pessoal criamos o e-book de Comunicação Não Violenta na Prática. Agora não será mais um problema expressar insatisfação quando estressado ou com problemas pessoais, pois aqui você saberá como lidar com diversos empecilhos da socialização.

Baixe agora clicando na imagem abaixo!

e-book cnv

Franciane Pereira

Franciane Pereira

Técnica em Meio Ambiente pelo Instituto Federal de Minas Gerais - campus Governador Valadares e grad. em Engenharia Elétrica - Robótica e Automação Industrial pela Universidade Federal de Juiz de Fora. Voluntária no Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos UFJF (IEEE UFJF). Atua como secretária do conselho e membro da equipe de marketing do grupo de afinidade IEEE Women in Engineering UFJF (IEEE WIE UFJF). Possui certificação em Produção de conteúdo, Marketing de conteúdo, Copywriting e Revisão de conteúdo. Especialista na produção de conteúdo na área de Pesquisa e Desenvolvimento do Grupo Voitto. Acredita e luta pela conquista do espaço das mulheres onde elas quiserem, principalmente nas áreas de tecnologias e afins!

Teste: Como está sua Inteligência Emocional?

QUER RECEBER CONTEÚDO VIP?

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.

Respeitamos sua privacidade e nunca enviaremos spam!

voitto.com.br

© Copyright 2008 - 2024 Grupo Voitto - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Teste: Como Está Sua Inteligência Emocional?

Para baixar o material, preencha os campos abaixo:

Possui graduação completa?

Concordo em receber comunicações de acordo com a Política de Privacidade.