ANIVERSÁRIO VOITTO

A MAIOR OFERTA DO ANO! TODO SITE COM ATÉ50% OFF

Sobre a speaker Tali Sharot
Sobre o TEDx “Consiga o que quer sem ameaças”
Principais ideias do TEDx
Insight de destaque

Como induzir a mudança de comportamento em alguém? Descubra com Tali Sharot

Veja como a maneira que abordamos a mudança de comportamento pode afetar diretamente no fracasso ou sucesso da tentativa.

Gregory Thainã
Por: Gregory Thainã
Como induzir a mudança de comportamento em alguém? Descubra com Tali Sharot

Não importa o quanto nos dedicamos ao nosso autodesenvolvimento, sempre haverá alguma mudança de comportamento que desejamos em nós mesmos ou em pessoas que somos próximos.

Porém, a maneira como abordamos essa mudança pode determinar se ela será bem sucedida ou não.

No TEDx de Tali Sharot, “Consiga o que quer sem ameaças”, esse assunto é abordado com grande profundidade, mostrando resultados de pesquisas que evidenciam que as ameaças têm baixo impacto no nosso comportamento.

Nesse artigo veremos:

  • Sobre a speaker Tali Sharot;
  • Sobre o TEDx “consiga o que quer sem ameaças”;
  • Ideias principais do TEDx;
  • Insight de destaque.

Sobre a speaker Tali Sharot

Tali Sharot é uma neurocientista, professora e pesquisadora na University College of London. Suas pesquisas são principalmente voltadas para como as emoções influencia nas crenças, decisões e interações sociais das pessoas.

Ela é especialmente interessada no comportamento humano, que é o tema do TEDx “Consiga o que quer sem ameaças”, que aborda maneiras efetivas de alcançarmos a mudança de hábitos.

Sobre o TEDx “Consiga o que quer sem ameaças”

Todos nós queremos adotar comportamentos melhores e queremos que pessoas próximas também façam o mesmo.

Porém, a maneira como abordamos a mudança de comportamento afeta a nossa motivação em mudar.

Por exemplo, as propagandas chocantes dos malefícios do cigarro nas embalagens não fazem os fumantes pararem de fumar. Na verdade, um estudo constatou que após ver essas imagens, largar esse hábito se tornou menos relevante para essas pessoas.

Assim, é possível perceber que as ameaças têm um impacto muito pequeno na mudança de comportamento das pessoas. Mas por quê?

O TEDx de Tali Sharot visa responder exatamente essa pergunta.

Principais ideias do TEDx

A speaker aborda muitos pontos extremamente importantes para a mudança de comportamento nas pessoas. Os tópicos abordados são:

  • Por que somos resistentes à ameaças?
  • Que tipo de informação realmente atinge as pessoas?
  • Nem todos têm a mesma disposição para ouvir más notícias;
  • Os três princípios da mudança de comportamento.

Por que somos resistentes à ameaças?

A palestrante inicia esse tópico falando sobre um comportamento típico da maioria dos animais quando se sente ameaçado: ficar paralizado ou fugir.

Com os seres humanos é o mesmo, quando somos ameaçados, tendemos a eliminar aquilo que causa a sensação ruim.

Por exemplo, um fumante pode ver as advertências em uma carteira de cigarro e pensar: “meu pai fumou a vida toda e viveu até os 90 anos, então eu tenho uma ótima genética para esse tipo de coisa”.

O caso acima pode até mesmo piorar com uma advertência, pois isso pode acabar gerando uma resistência ainda maior a levar a mudança de comportamento adiante.

Assim, as advertências podem ter um resultado completamente oposto ao desejado.

Que tipo de informação realmente atinge as pessoas?

Tali Sharot explica um experimento feito por ela e sua equipe. O experimento consistia em fazer uma série de projeções sobre o futuro de um grupo de voluntários.

Essas projeções eram sobre os mais diversos temas, como a probabilidade deles desenvolverem problemas auditivos durante as suas vidas, por exemplo.

Os resultados obtidos foram que as pessoas têm maior probabilidade de dar ouvidos a informações positivas.

Ou seja, colocar imagens chocantes de problemas de saúde desenvolvidos pelo hábito de fumar certamente não é a melhor estratégia para diminuir o número de fumantes no mundo.

Nem todos têm a mesma disposição para ouvir más notícias

Uma outra conclusão do estudo da palestrante foi que as pessoas tendem a aumentar a sua capacidade de aprender com notícias ruins conforme elas envelhecem.

Porém, por volta dos 40 anos essa capacidade atinge o seu pico e, então, ela passa a regredir.

Assim, quando visamos a mudança de comportamento de crianças e idosos, a probabilidade de se obter sucesso com advertências é muito menor do que com adultos.

Porém, o fato de que as pessoas têm uma tendência maior a absorver aquilo que elas querem ouvir é independente da idade.

Assim, mesmo que adultos tenham uma probabilidade maior de aprender com notícias ruins, eles ainda absorvem melhor as notícias boas ou que eles desejam ouvir.

Os três princípios da mudança de comportamento

Shali afirma que a mudança de comportamento é gerada a partir de três princípios: o do incentivo social, o da recompensa imediata e o do monitoramento do progresso.

1. O princípio do incentivo social

Tali Sharot afirma que uma das melhores medidas que se pode adotar para gerar a mudança de comportamento em uma pessoa é o princípio do incentivo social.

Ela cita o exemplo do pagamento de impostos na Grã-Bretanha. Segundo Sharot, numa antiga carta que o governo enviava àqueles que estavam com os impostos atrasados, era enfatizada a importância que esse dinheiro tinha para o país.

Porém, como era de se esperar, isso não teve nenhum efeito nos índices de pagamento de impostos.

Foi então que a frase "Nove em cada dez pessoas na Grã-Bretanha pagam seus impostos em dia".

O efeito dessa simples frase foi um aumento de 15% na adesão ao pagamento dos impostos, o que gerou uma receita de 5,6 bilhões de libras ao governo britânico.

Portanto, enfatizar o que os outros fazem pode induzir fortemente uma mudança de comportamento nas pessoas.

2. Princípio da recompensa imediata

O ser humano valoriza muito as recompensas imediatas, que podem desfrutar instantaneamente.

Isso não tem nada a ver com não nos preocuparmos com o futuro. Pelo contrário, o ser humano se preocupa bastante com ele.

Porém, o futuro é distante e incerto e é por isso que as pessoas tendem a gostar mais das recompensas imediatas.

Talvez levantar cedo e ir fazer exercícios seja melhor para o seu futuro, mas o “seu eu” de agora prefere desfrutar de uma cama quente do que esperar algo incerto no futuro.

Segundo a palestrante, existem estudos que enfatizam que a mudança de comportamento é mais efetiva quando está associada a alguma recompensa que pode ser desfrutada instantaneamente.

Por exemplo, caso você precise estudar para aquela matéria chata, pode colocar como uma recompensa a você mesmo um chocolate para cada 10 páginas lidas. Assim, o ato de estudar passa a estar associado a alguma recompensa e pode ser desenvolvido mais facilmente.

Diante disso, as recompensas são uma excelente maneira de superar o lapso temporal quando queremos gerar uma mudança de comportamento.

3. Princípio do monitoramento do progresso

Quando tentar induzir uma mudança de comportamento em si mesmo ou em outra pessoa, enfatiza o progresso que aquela mudança pode trazer, não os problemas que manter os hábitos atuais podem acarretar.

Por exemplo, podemos influenciar uma pessoa a parar de fumar falando “se você deixar o tabagismo, a sua circulação sanguínea vai melhorar”, ao invés de falar “se você não deixar esse vício vai acabar desenvolvendo um câncer pulmonar!”.

Insight de destaque

"Se quisermos motivar a mudança, talvez tenhamos que repensar a forma como fazemos isso, pois o medo leva à inércia, enquanto a expectativa de um prêmio leva à atitude.” - Tali Sharot

Gostou do assunto? Você pode conferir esse TEDx na íntegra abaixo.

Gregory Thainã

Gregory Thainã

Grad. em Engenharia Elétrica na Universidade Federal de Santa Maria. Participou do Movimento Empresa Júnior atuando em consultorias, gerenciamento de equipes e no setor de marketing pela ITEP Jr. Bolsista de iniciação científica na área de eficiência energética. Possui formação em Excel avançado, Gerenciamento de Projetos, Fundamentos de Scrum, Produção de conteúdo, Marketing de conteúdo, Copywriting e Revisão de conteúdo. Especialista na produção de conteúdo na área de Pesquisa e Desenvolvimento do Grupo Voitto.

Conteúdo relacionado

QUER RECEBER CONTEÚDO VIP?

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.

Respeitamos sua privacidade e nunca enviaremos spam!

voitto.com.br

© Copyright 2008 - 2024 Grupo Voitto - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

[Pacote] Formação De Soft Skills

Para baixar o material, preencha os campos abaixo:

Possui graduação completa?

Concordo em receber comunicações de acordo com a Política de Privacidade.